www.radartutorial.eu www.radartutorial.eu Noções básicas de radar

Rohini

Descrição do conjunto de radares, características técnico-táticas

Figura 1: Rohini

Figura 1: Rohini

Especificações Técnicas
Banda da frequência: bande S
Intervalo de repetição
de pulsos (PRT):
Freqüência de repetição
de impulsos (PRF)
:
Largura de pulso (τ):
Período de recepção:
Período de descanso:
Potência de pico:
Potência média:
Alcante maximo: 200 km
Resolução da distância: 200 m
Precisão: 50 m; ±0,5°
Largura do feixe em azimute: 1,8°…3°
Número de impulsos recebidos:
Velocidade de
rotação da antena:
7,5 ou 15 rpm
MTBCF:
MTTR:

Rohini

O Rohini é um radar de reconhecimento aéreo 3D de médio alcance da banda S, que detecta e acompanha os alvos mesmo sob interferências complicadas.

O radar tem uma cobertura de 360° em azimute e até 30° em elevação com um alvo de 18 km de altitude. Rohini usa uma antena de phased array passivo que gera sete padrões de antena estreitos uns sobre os outros, que permitem que o radar determine com precisão a altitude do alvo. A antena é composta por 32 linhas com 48 radiadores individuais cada, que são combinados para formar quatro segmentos. Uma antena IFF de modo S também está localizada na extremidade superior da antena de radar primária.

Rohini é um dos três novos desenvolvimentos da licença do radar polaco TRS-19 (a versão de exportação do NUR-15 «Odra»). A designação comum do fabricante de todas as variantes é Radar Central de Aquisição 3D (3D Central Acquisition Radar, 3D-CAR):

O radar é carregado em três caminhões TATRA 8×8: um para a antena e eletrônica de radar (Radar Sensor Vehicle, RSV) e um para o Data Center Vehicle (DCV). O terceiro TATRA transporta dois geradores a diesel de 125 kVA para fornecimento independente de energia. O radar pode ser montado e desmontado em 30 minutos.